quarta-feira, abril 11, 2007

Ruas com traçado ortogonal

Como podem ver, não me esqueci de que alguém, na sua triste existência, desejou um dia ver este tema polémico abordado pela minha pessoa. Infelizmente, porque sobre isto não há grande coisa a dizer. A minha opinião é que quem votou neste tema simplesmente não sabe o que é o traçado ortogonal, ou então é tão deprimido como a pessoa que pôs o tema a votos, ou seja, eu. Inclino-me apesar de tudo para a segunda opção, pois para saber o que é o traçado ortogonal basta ir à Wikipédia...

Então, muito resumidamente, o traçado ortogonal caracteriza-se pela disposição paralela das ruas, com um plano geométrico regular. Já está.

Agora à volta disto, posso referir que um dos exemplos históricos mais importantes para a modernização da ordenação urbana teve lugar em Portugal. Sebastião José de Carvalho e Melo, recentemente finalista de um polémico concurso televisivo, nasceu a 13 de Maio de 1699 em Lisboa, e terá sido vítima nos primeiros anos da sua vida, de uma violenta pedrada na cabeça. Pedrada essa que lhe terá feito desenvolver uma espécie de tara por ruas em traçado ortogonal. Completamente viciado em drogas, deixa crescer o cabelo, adquirindo um visual muito punk, que agravou quando entornou água oxigenada na cabeça, diz-se que por acidente, mas investigações recentes sugerem que o Marquês terá planeado o seu enloirecimento. No poder, tomou medidas e aplicou reformas, que em muito beneficiaram o país. Em 1755 dá o seu golpe de génio. Contrata uma empresa espanhola para o fornecimento de uma bomba de anti-matéria. Uma coisa pequena, mas extremamente poderosa. Um avião da Força Aérea é visto no dia 1 de Novembro a sobrevoar Lisboa, tendo rumado em seguida para sul. Cerca das 9:20h da manhã, um violento sismo atinge a capital, seguido de um tsunami. Lisboa fica devastada, o Marquês de Pombal fica radiante, e profere a sua famosa frase: "E agora? Enterram-se os mortos e alimentam-se os vivos, para que ponham mãos à obra e tratem de fazer um plano ortogonal para esta cidade de caca".

E com isto Lisboa passou a dispor de uma moderna organização que lhe permitiu, até aos dias de hoje, manter-se a capital. Raios, podia aparecer um Marquês de Pombal cá no Porto...

1 Comments:

Blogger Turtle said...

Obrigadinho pela consideração. Na verdade não fazia a mínima do k era pk simplesmente pareceu-me uma ideia tão estúpida pra se debater k só podias ser tu a tê-la. lol.
Fico feliz pelo meu esforço infindável ao votar neste assunto tenha sido recompensado por este post.
P.S.: Vê se começas a fumar tabaco senão tás fodido!!!!

12:20 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home